top of page

Reunião com GT de Transição de “Desenvolvimento Agrário”




No dia 30 de novembro de 2022*, representantes da ANPE foram recebidos por representantes do GT de Desenvolvimento Agrário para apresentar sucintamente o documento enviado e discutir seus principais tópicos. O Sr. Givanilson Porfirio da Silva (coordenador do GT) abriu a reunião e passou a palavra ao Presidente da ANPE, Eduardo Formighieri, que agradeceu a oportunidade da ANPE ser ouvida e destacou as principais preocupações dos Pesquisadores, como recomposição orçamentária e de quadro de empregados, atualização de valor de bolsas, modelo de governança, reequilíbrio de foco de pesquisa e desburocratização. A seguir, o Sr. Eduardo Romano (RL ANPE) complementou a fala e deu alguns exemplos, ao que seguiu uma discussão entre as partes.

Givanilson informou que várias questões já estão no radar do governo eleito, e trouxe uma visão que está sendo discutida: a de permitir que a Embrapa permeie mais de um Ministério. Não no sentido de fatiar, destacou, mas no de ter mais fontes de fomento e maior autonomia para transitar melhor também em CT&I e Meio Ambiente, por exemplo.


Foram definidos como tópicos fundamentais para os primeiros 100 dias: Recomposição orçamentária; reequilíbrio do foco de pesquisa; autonomia das unidades descentralizadas; e recomposição do quadro de empregados. A respeito da área orçamentária, foi informado que faz parte do relatório a demanda por orçamento extra.


A reunião foi finalizada com agradecimentos e o comprometimento de ambas as partes em manter a colaboração.


Acesse o documento na íntegra com a Indicação de pontos prioritários de atenção no âmbito da Embrapa e em suas relações:


*A reunião aconteceu na sede do Governo de Transição (CCBB em Brasília), a partir das 14h. Além dos citados, participaram da reunião virtualmente, pela ANPE, os colegas do CG ANPE Regina Quisen e Paulo Duarte, e presencialmente Junior Divino Fideles (assessor jurídico do GT).




Comments


bottom of page